Geral Política

Possível demissão do ministro da Saúde, congelamento de salários de servidores e mais notícias2 min

06/04/2020 < 1 min read

author:

Possível demissão do ministro da Saúde, congelamento de salários de servidores e mais notícias2 min

Reading Time: < 1 minute

Bolsonaro ameaça, mas desiste de demitir Mandetta

Nesta segunda-feira (6), já em meio à troca de farpas com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, o presidente Jair Bolsonaro ameaçou demitir o ministro do cargo. No entanto, mais no final da tarde ele foi convencido por militares como o General Braga Netto de que a melhor decisão seria manter o ministro no cargo, por enquanto.

Guedes defende congelar salários

O ministro da Economia Paulo Guedes, defendeu durante uma videoconferência, o congelamento dos salários do setor público durante dois anos como forma de contribuir para a redução de despesas neste período de combate ao coronavírus. A defesa do ministro é uma resposta à ideia de que a própria equipe econômica defendia o corte imediato de salários dos servidores públicos.

Ministro da Educação publica insinuações contra a China

Abraham Weintraub fez uma postagem em uma rede social que insinuou de que a China poderia se beneficiar, de propósito, da crise mundial causada pelo coronavírus. Depois, ele apagou o texto. A embaixada chinesa no Brasil, divulgou uma resposta repudiando a fala do ministro.

Datafolha revela pesquisa de renúncia de Bolsonaro

Uma pesquisa Datafolha divulgada no final de semana apontou que 59% dos brasileiros rejeitam a renúncia do presidente Jair Bolsonaro em meio à crise do coronavírus. O levantamento mostra ainda que 37% desejam que ele renuncie e 4% não soube responder.

Criação de programa para financiar salários aguarda regulamentação

O governo federal publicou no Diário Oficial da União, uma medida provisória que cria um programa para financiar a folha de pagamento de pequenas e médias empresas por dois meses em razão da crise provocada pelo novo coronavírus.