Geral Política

Procuradoria aponta uso de verba parlamentar para divulgação de atos antidemocráticos, Governo Federal prorroga restrição da entrada de estrangeiros no Brasil, e mais notícias3 min

22/06/2020 2 min read

author:

Procuradoria aponta uso de verba parlamentar para divulgação de atos antidemocráticos, Governo Federal prorroga restrição da entrada de estrangeiros no Brasil, e mais notícias3 min

Reading Time: 2 minutes

Governo prorroga por mais 2 semanas a restrição da entrada de estrangeiros no Brasil

O governo federal prorrogou por mais 15 dias a restrição de estrangeiros de qualquer nacionalidade, que quiserem entrar no Brasil, em razão da pandemia do novo coronavírus. A medida vale para todas as vias de ingresso, sejam rodovias, ou outros meios terrestres como também por via aérea ou transporte aquaviário.

Casos de coronavírus no mundo passam de 9 milhões

Segundo monitoramento da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos, o número de casos confirmados de novo coronavírus no mundo já ultrapassou a marca de 9 milhões nesta segunda-feira (22). Ainda segundo o monitoramento, o número de mortes pela Covid-19 passou de 469 mil. O Estados Unidos e o Brasil são os dois países com mais casos e óbitos provocados pela doença.

PGR aponta uso de cota parlamentar para divulgar atos antidemocráticos

De acordo com matéria do Jornal O Globo, investigações da Procuradoria-Geral da República apontam que quatro deputados do PSL, aliados do presidente Jair Bolsonaro, fizeram repasse de verbas para divulgar manifestações antidemocráticas. Segundo a reportagem, o dinheiro fazia parte da cota parlamentar, ou seja, verba pública usada para atividades ligadas ao mandato. Os quatro deputados investigados são: Bia Kicis, Guiga Peixoto, Aline Sleutjes e General Girão. Todos do PSL.

Bolsonaro vê ‘exagero’ em ações contra combate ao coronavírus e defende reabertura do comércio

O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender a reabertura do comércio, nesta segunda-feira (22), e disse que “talvez tenha havido um pouco de exagero” na maneira como a pandemia foi tratada. Ele também disse, sem fonte nenhuma, que a Organização Mundial da Saúde comete equívocos, mas não disse quais.

Secretário do Paraná é sondado para assumir Ministério da Educação

Integrantes do governo de Jair Bolsonaro cogitam colocar o secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, para assumir o Ministério da Educação. A expectativa é que o governo anuncie a escolha já nesta terça-feira (23). Segundo os principais jornais do país, o nome de Renato Feder já está passando por um “pente-fino” da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), cujo objetivo é checar a ficha de todos os candidatos a ingressarem no governo.

Senadores debatem sobre possível adiamento das eleições 2020

Nesta segunda-feira (22), senadores debateram com especialistas e também com o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Luís Roberto Barroso, sobre o eventual adiamento das eleições municipais deste ano. Diante das orientações das autoridades de saúde sobre o isolamento social, especialistas, o Congresso Nacional e o TSE passaram a discutir se as eleições devem ou não ser adiadas. Segundo o calendário normal, o primeiro turno está previsto para 4 de outubro de 2020, e o segundo turno para o dia 25 de outubro.

Foto: Sérgio Lima / AFP