Geral Política

Alta na inflação faz subir o preço dos alimentos, Vacina de Oxford suspende testes e mais notícias2 min

09/09/2020 2 min read

author:

Alta na inflação faz subir o preço dos alimentos, Vacina de Oxford suspende testes e mais notícias2 min

Reading Time: 2 minutes

Entenda por que a inflação dos alimentos disparou no Brasil

Segundo o IBGE, o preço dos alimentos foi destaque na alta da inflação em agosto. O Índice de Preços para o Consumidor Amplo (IPCA) subiu 2,44% em 12 meses, enquanto a inflação dos alimentos subiu 8,83%. O arroz e o óleo de soja foram os alimentos em que os preços altos foram mais percebidos, o arroz teve um alta de 19,2% e o óleo subiu 18,6%.

Vacina de Oxford suspende testes depois de ‘adoecimento sem explicação’ de paciente

O laboratório farmacêutico britânico AstraZeneca interrompeu os testes da vacina depois de detectar uma doença “sem explicação” em um dos voluntários. A vacina desenvolvida em Oxford é a principal aposta na América Latina contra a Covid-19.

Operação da PF torna réu dois advogados de Lula

A Polícia Federal deu início a Operação Esquema S para investigar um suposto esquema de tráfico de influência no STJ (Superior Tribunal de Justiça) e no TCU (Tribunal de Contas da União). De acordo com o Ministério Público Federal, os denunciados desviaram R$ 151 milhões. Entre os alvos do mandado de busca e apreensão estão dois advogados do ex-presidente Lula.

Vacina chinesa deve ter eficácia testada a partir de 15 de outubro

O diretor-presidente do Instituto Butantan, Dimas Covas, afirmou que até o fim de setembro todos os 9 mil voluntários do Brasil devem tomar a vacina chinesa em teste no Brasil. Atualmente, a vacina está na 3 fase. Segundo o diretor do Instituto, se até o final de setembro todos os voluntários forem vacinados, será possível testar a eficácia da vacina a partir do dia 15 de outubro.

Eduardo Cunha é condenado a 15 anos de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

O ex-deputado e ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, foi condenado a 15 anos e 11 meses de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro em mais uma fase da Operação Lava Jato. Eduardo Cunha é acusado de exigir e receber 5 milhões de dólares em propina sobre contratos de construção de navios da Petrobras.

Foto: Ana Branco