Geral Política

Dados revelam que 26 mil doses vencidas da AstraZeneca foram aplicadas em brasileiros, Queda de mortes por Covid indica efeito da vacinação e mais notícias2 min

02/07/2021 2 min read

author:

Dados revelam que 26 mil doses vencidas da AstraZeneca foram aplicadas em brasileiros, Queda de mortes por Covid indica efeito da vacinação e mais notícias2 min

Reading Time: 2 minutes

Dados revelam que 26 mil doses vencidas da AstraZeneca foram aplicadas em brasileiros

Um levantamento feito com dados oficiais do governo federal apontou que ao menos 26 mil pessoas podem ter recebido doses vencidas da vacina AstraZeneca no Brasil. A pesquisa foi feita por Sabine Righetti da Unicamp e por Estevão Gamba da Unifesp e publicado no jornal Folha de S. Paulo. Em nota, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e o Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (Conasems) disseram que todos os casos vão ser investigados e não descarta erro no sistema de informação.

Queda das mortes por Covid indica efeito da vacinação

Desde o dia 20 de junho, a média móvel das mortes por Covid-19 está em queda e se manteve nos dias consecutivos. Especialista apontam que os números estão em queda por causa do efeito da vacina em grupos que estão totalmente imunizados, como os idosos por exemplo. Apesar disso, eles alertam que a pandemia não está controlada e que a chegada da variante delta ainda é um risco para aqueles que não tomaram as duas doses da vacina.

CPI da Covid: representante da Davati Medical Supply é acusado de mentir em depoimento

Luiz Paulo Dominguetti foi convocado a depor na CPI da Covid após falar em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo que recebeu um pedido de propina de 1 dólar por dose da vacina em tentativa de negociação com o Ministério da Saúde. Ele afirmou que Roberto Ferreira Dias, ex-chefe de logística do Ministério da Saúde, recebeu propina em jantar em Brasília. Dominguetti disse também que o deputado Luís Miranda, líder do governo, procurou a Davati Medical Supply para negociar a compra de medicamentos para imunização contra a Covid-19.

PGR pede abertura de inquérito para investigar Bolsonaro por prevaricação no caso Covaxin

A Procuradoria-Geral da República pediu nesta sexta-feira (2) a abertura de um inquérito no STF para investigar o presidente Jair Bolsonaro por prevaricação na negociação da Covaxin. Questionado sobre o pedido, o Palácio do Planalto informou que não comenta decisões de outros órgãos.

Amazônia tem 1º semestre de 2021 com maior área sob alerta de desmate em 6 anos

De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), a área em alerta de desmatamento na Amazônia durante o primeiro semestre de 2021, é a maior em seis anos de monitoramento. Entre o dia 1º de janeiro e 25 de junho foram 3.325 km² o que equivale a mais de duas cidades de São Paulo.

Foto: Reuters